Tá lá, desafiei a Sílvia do Blog: http://reflexoeseangustias.com , para escrever um texto feliz! Aí ela me veio com este desafio complicado aqui:

“Pronto… Aqui vai seu desafio…
Você vai escolher uma pessoa completamente diferente de você, alguém que você conheça pelo menos um pouquinho (se for alguém de quem você não goste muito, melhor ainda).
E você vai se imaginar no lugar dessa pessoa, na vida dela, com seus problemas, preocupações, tudo.”

 

Me ferrei!!!!kkkk

Ok! Não peguei uma pessoa, mas um estilo que não gosto, o Funk Carioca e tentei defender como se fosse alguém que vive isso e amasse. Acho que pode ser, né não? Então, tá lá:

 

Qualé deste maluco de um tal de Blog Patriamarga para falar mal de meus Funks?!

Sou uma pessoa de visão e cercado de coisas que ele jamais terá em sua vida: Mulheres, carros, roupas caras e dinheiro, muito dinheiro! Pode crer! Este cara é apenas um coitado, não entende as minhas vitórias e alegrias.

Me criticar por causa da minha arte?! Do meu som?

Venho de uma região simples aqui de São Paulo, mesmo que ele não entenda que este tipo de som já não seja única exclusivamente do Rio, dizendo que em nada se pareça com nosso estilo de vida. Vai vendo este maluco aí!

Coisa que hoje já não só mais uma realidade, nosso som é um estilo que invadiu todo o Brasil e representa toda esta nova geração. Jovens que se sentem representados com esta batida forte, sensual e cheia de marra!

Se ser o que sou e o que represento te incomoda, então o que eu deveria ser e tocar?! Um Punk e aquela violência sem sentido e muito mais pobre musicalmente do que nossas batidas com suas várias misturas e ritmos brasileiros?! Uma riqueza muito superior a estas 2 ou 3 notinhas sem vergonhas que ele tanto ama?!

Sou brasileiro, batalhador e carrego multidões que, igualmente a mim, saem de seu mundo simples e cheio de injustiças para viver este momento único e feliz.

Qual é bronca afinal? O que te incomoda tiozinho? Minha felicidade, meus amigos irreverentes, vida loka e nossas mulheres cheias de amor pra dar?!

Não sei por quanto tempo este ritmo estará por aí, mas no que depender de nossos fãs e de mim mesmo, este fluxo vai continuar, invadir e abalar para sempre!

Tumultuaremos ruas com nosso som forte e de presença, o mais alto que pudermos, , dançaremos ao ar livre assim como toda revolução musical merece! Nossa revolução a maior e mais poderosa. Uma que abala as elites, os envelhecidos e isolados em seus mundos luxuosos.

Invadiremos sua praia, sua loja e sua vida. Dançaremos e cantaremos nossas letras que chocam e nos fazem ser percebidos! Invadiremos suas praias e baladas e ao contrário do que pensa este senhor, somos e seremos o som que agita seus filhos e netos.

Aceita que dói menos e ao invés de lutar contra, solte o som, o rebolado e a ginga malandra!

Estamos aqui e ficaremos, queira ou não.

E para não ter dúvidas, estaremos na sua rua para que você possa nos perceber, ouvir e sentir!

Viva o Funk a mais forte representação musical do Brasil!

 

Pois é Sílvia, que você não se arrependa ao me desafiar, quando sua rua estiver cheia de funkeiros alucinados! kkkkk

 

Anúncios